O que NÃO fazer em Vitória, Espírito Santo?

Ao desembarcar no Aeroporto de Vitória (VIX), no Espírito Santo, o passageiro é surpreendido com diversos motoristas com placas do Uber ou outros aplicativos de transporte.  Obviamente, são motoristas clandestinos. Entretanto, o turista “inocente” pode acabar aceitando essas ofertas de transporte e, por consequência, correr sérios riscos.

O valor da corrida é combinado na hora com o motorista. Na melhor das hipóteses, o passageiro pagará o dobro do preço da corrida feita pelo aplicativo. Mas, nada impede que seja assaltado ou aconteça até algo pior. Afinal, você não sabe quem é o motorista e o seu trajeto não está sendo monitorado. Em caso de acidentes, o passageiro fica totalmente sem assistência (exceto o DPVAT).

Para ser cadastrado nos aplicativos, o interessado tem que passar por uma série de exigências relativas a sua pessoa (ex. Certidão de Antecedentes Criminais) e ao veículo. Além disso, está sujeito à constante avaliação dos passageiros, podendo ser descredenciado se não atingir uma nota mínima.

A Uber e as outras empresas de transporte por aplicativo só se responsabilizam por corridas feitas pelo app, mesmo que seja com um motorista credenciado nas respectivas plataformas.

O caso do Aeroporto de Vitória foi amplamente divulgado pelos jornais locais (Gazeta Online e Folha Vitória). Entretanto, os motoristas clandestinos continuam a atuar por lá.

Portanto, ao desembarcar em Vitória, pegue um taxi credenciado ou chame o seu veículo pelo aplicativo de transporte, conferindo se o motorista e o veículo são os indicados na tela do seu celular. Estas cautelas, a propósito, valem para qualquer aeroporto em que você desembarcar.

Boa Viagem!

Emerson Cesar

Apaixonado por viagens e por fotografia. Começou a descobrir o mundo há 10 anos e já visitou 71 países. Gosta de caminhar a esmo pelas cidades mundo afora, observando as pessoas, as comidas, as construções e a arquitetura. É formado em Engenharia e Direito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Press ESC to close

Enviando dinheiro para a Argentina via Western Union Buenos Aires: comendo bem e barato