Músicas do Mundo: Can Atilla, Turquia

Só viajando é que descobrimos preciosidades como esta.  Numa de nossas viagens à Turquia, descobrimos Can Atilla (diz-se “jan atilla“), um músico e compositor turco. É pouco conhecido no Brasil, mas suas músicas encantam qualquer ouvinte.

Can Atilla formou-se no Conservatório da Universidade de Ankara, capital da Turquia, e já compôs diversos álbuns, bem como músicas para filmes e séries de TV.

O artista dedica-se, especialmente, à música eletrônica e new age. É considerado pioneiro nestes estilos na Turquia. Pianos, sintetizadores e violinos são os principais instrumentos de suas canções.

Inspiração

Suas músicas fazem referência ao Império Otomano e a Istambul, que é o nosso destino turístico preferido.

Uma delas, por exemplo, chama-se Rumeli Hisari, em homenagem à uma fortaleza de mesmo nome situada em Istambul às margens do Bósforo (lado Europeu). É o Castelo Humeli.

Castelo Rumeli - Vista do Bósforo
Castelo Rumeli – homenageado pela música de Can Atilla

1453

Outra música “1453” faz alusão à queda de Constantinopla (atual Istambul), capital do império romano do Oriente ocorrida naquele ano.

 

 

Gülbahar

A música a seguir chama-se Gülbahar (Rosa da Primavera) que também é um nome próprio feminino comum na Turquia.

 

 

Sultanlar Aşkına

Esta outra incrível música chama-se Sultanlar Aşkına (Amor dos Sultãos).

 

 

Mais sobre o autor…

Para os interessados em conhecer mais sobre Can Atilla, o autor dispõe de um canal no YouTube (clique aqui) e de um sítio eletrônico (clique aqui).

É só ouvir, relaxar e se lembrar da sua última viagem à Turquia.

Emerson Cesar

Apaixonado por viagens e por fotografia. Começou a descobrir o mundo há 10 anos e já visitou 71 países. Gosta de caminhar a esmo pelas cidades mundo afora, observando as pessoas, as comidas, as construções e a arquitetura. É formado em Engenharia e Direito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Press ESC to close

Enviando dinheiro para a Argentina via Western Union Buenos Aires: comendo bem e barato