Ouarzazate, no Marrocos, é conhecida como a “porta do deserto”. Situada nas proximidades do Saara, de lá, partem muitas excursões para explorar o deserto marroquino. Está localizada na base do Alto Atlas, a parte mais alta da cadeia montanhosa que percorre o noroeste da África.

Além disso, a cidade é locação para vários filmes e séries que tenham o deserto como cenário. Por lá, existem vários estúdios de cinema que são escolhidos pelas produtoras por terem custos mais baixos. Ouarzazate é a Hollywood marroquina!

  • David Lean, diretor do filme Lawrence da Arábia (1962), foi quem primeiro reconheceu esse potencial ¨cinematográfico¨ da cidade. O céu claro, o cenário exótico e a disponibilidade de locais para atuarem como figurantes, tornaram Ouarzazate um local atrativo para a filmagem de histórias antigas baseadas no deserto (fonte: Frommers).

Passamos pela cidade numa excursão de 3 dias entre Fez e Marraquexe que contratamos na empresa Marrocos.com. No primeiro dia, percorremos de Fez a Merzouga, passando por paisagens incríveis e pernoitamos num acampamento nas dunas de Erg Chebbi, no Deserto do Saara. No segundo dia, seguimos até Ouarzazate, onde pernoitamos. No terceiro dia, visitamos as atrações de Ouarzazate e seguimos para Marraquexe.

Importante mencionar que as principais atrações do nosso destino estão localizados nos arredores de Ouarzazate: os estúdios de cinema e a cidade fortificada de Aït Ben Haddou.

Confira como foi nossa experiência!

Como chegar a Ouarzazate?

É possível chegar a Ouarzazate, no Marrocos, de avião ou de ônibus. Há voos entre Casablanca (CMN) e Marraquexe (RAK) e Ouarzazate (OZZ) operados pela Royal Air Maroc. O aeroporto fica próximo ao centro da cidade, mas a frequência  dos voos não é diária.

Não há linhas de trem até Ouarzazate. Entretanto, é possível chegar de ônibus a partir de Marraquexe. Duas companhias operam o referido trecho: a CTM e a Supratours ONCF.

Outra opção é contratar um taxi ou uma excursão, como foi o nosso caso.

É possível também alugar um carro, mas o trecho entre Marraquexe e Ouarzazate é ruim, apesar da qualidade da rodovia.  O trajeto cruza a Cordilheira do Atlas e tem muitas curvas.

A caminho de Ouarzazate

Auberge du Sud, Merzouga
Auberge Café du Sud, Merzouga

Partimos das Dunas de Erg Chebbi, em Merzouga, às 9hs e fizemos uma parada operacional no Auberge Cafe du Sud, hotel a quem pertence o acampamento onde ficamos. Alguns brasileiros que encontramos pelo caminho iriam passar um dia no local.

Auberge Cafe du Sud, Merzouga
Auberge Cafe du Sud, Merzouga

O percurso até Ouarzazate é de aprox. 400 km. A primeira parada foi numa loja de lenços e outros artigos de tecido. Consegui comprar alguns lenços por 100 MAD cada. Não esqueça de pechinchar!

Loja no caminho a Ouarzazate
Loja no caminho a Ouarzazate

Almoçamos num restaurante na estrada, o Restaurante Inass Welcom, de comida Bérbère, que fica em Tinghir.

Restaurante Inass Welcom, Tinghir
Restaurante Inass Welcom, Tinghir

Gargantas do Todra

No caminho de Ouarzazate passamos pelas famosas Gargantas do Todra (Todgha Gorge), que são imensos penhascos separados por pequenas distâncias (20-50 metros), no vale do Rio Todra.

  • “Gorges du Todra ou Gargantas do Todra são os desfiladeiros mais conhecidos de Marrocos. Ficam no vale do Todra, do lado oriental do Atlas a cerca de 15 km da cidade de Tinerhir. Estes desfiladeiros são compostos por impressionantes penhascos que chegam a atingir os 300m de altura, separados apenas por 20 a 50 metros. Entre as paredes esmagadoras corre o rio e há uma estrada que o acompanha. Ao percorrer a estrada confinada entre rochedos, temos realmente a sensação que vamos ser engolidos, dai o nome deste lugar.”

Caminhamos pela estrada que corre ao lado do rio, apreciando a imensidão daquele lugar..

Seguimos nosso caminho em direção a Ouarzazate.

Uma pedra no meio do caminho

E fizemos mais uma parada para apreciar essas pedras gigantes no caminho.

No final da tarde, chegamos a Ouarzazate.

  • O ponto negativo da excursão foi que, já cansados, tivemos que passar numa agência para efetuar o pagamento dos valores residuais, antes de chegar à nossa habitação.

Onde ficar em Ouarzazate?

Dar Rita, Ouarzazate
Dar Rita, Ouarzazate

Em Ouarzazate, nos hospedamos no Riad da Rita Leitão (Dar Rita, onde Dar significa “casa”). Na verdade, é uma Guesthouse, pois os Riads costumam ter um pátio interno.

 



Booking.com

 

 

A guesthouse é simples, mas funcional e confortável. E, a propósito, muito bem decorada.

Dar Rita, Ouarzazate
Dar Rita, Ouarzazate

Inclusos no passeio, o jantar e café da manhâ estavam deliciosos. Foi o melhor Tagine que comi durante toda a viagem. Além do acolhimento da Rita Leitão, fomos recebidos e atendidos por um simpático ajudante dela. Recomendo!

Tagine no Dar Rita, Ouarzazate
Tagine no Dar Rita, Ouarzazate

Dia 1

Tomamos café da manhã no Riad e aproveitamos a metade do dia para visitar as atrações de Ouarzazate.

Labyrinthe du Sud

Labyrinthe du Sud, Ouarzazate
Labyrinthe du Sud, Ouarzazate

Uma primeira parada foi numa loja de artefatos, Labyrinthe du Sud, que vende produtos variados, como tapetes e artefatos de decoração.

Labyrinthe du Sud, Ouarzazate
Labyrinthe du Sud, Ouarzazate

Atlas Studios Corporation

Atlas Corporation Studio, Ouarzazate
Atlas Corporation Studio, Ouarzazate

Em seguida, visitamos o Atlas Studios Corporation, que fica a 5 km de Ouarzazate. É considerado o maior estúdio do mundo em área. São 30.000 metros quadrados dedicados às filmagens. Localizado entre as montanhas e o deserto, o Studio Atlas pode ser usado para simular os ambientes de diversos países.

Atlas Corporation Studio, Ouarzazate
Atlas Corporation Studio, Ouarzazate

O estúdio serviu de cenário para diversos filmes e séries, tais como:

  • A Jóia do Nilo;
  • James Bond – The Living Daylights;
  • A Múmia;
  • O Gladiador;
  • Game of Thrones;
  • The Amazing Race.
Antigo Egito, Atlas Corporation Studio
Antigo Egito, Atlas Corporation Studio

É possível fazer tours guiados de 30 minutos, diariamente, das 9 às 18 horas, pelo estúdio, exceto quando estão ocorrendo as filmagens. O ingresso custa 50 MADs.

Templo Budista - Atlas Corporation Studio
Templo Budista – Atlas Corporation Studio

Foi o que nós fizemos. Percorrendo os estúdios, o que mais se destacam são os cenários do Egito Antigo e os Templos Budistas do antigo Tibet.

Atlas Corporation Studio, Ouarzazate
Atlas Corporation Studio, Ouarzazate

Aït Ben Haddou

Entrada do Ksar Ait Ben Haddou
Entrada do Ksar Ait Ben Haddou

Em seguida, a 30 km do centro de Ouarzazate, fomos visitar a cidade fortificada de Aït Ben Haddou (Ksar) considerada Patrimônio Mundial pela UNESCO, em razão da sua integridade e autenticidade. Trata-se de um típico exemplo da arquitetura marroquina pré-saariana.

Lojas no Ksar Ait Ben Haddou
Lojas no Ksar Ait Ben Haddou

Sem dúvida, é a principal atração turística de Ouarzazate e uma das principais do Marrocos. São mais de 13o mil visitantes por ano!

  • O ksar é, essencialmente, um agrupamento coletivo de moradias circundadas por altas muralhas.  Dentro das muralhas, as casas se juntam – algumas modestas, outras parecendo pequenos castelos urbanos com suas torres de alto ângulo e seções superiores decoradas com motivos em tijolo de barro – mas também há prédios e áreas comunitárias (fonte: Unesco).

Atualmente, apenas poucas famílias habitam o Ksar. A maioria se mudou para as vilas nas proximidades.

Escada no Ksar Ait Ben Haddou
Escada no Ksar Ait Ben Haddou

O cidade fortificada fica numa colina e para chegar lá em cima, tem uma longa subida por escadas. No caminho, diversas lojinhas de artesanatos. Percebe-se no caminho as construções revestidas de uma lama avermelhada.

Vista de Cima - Ait Ben Haddou
Vista de Cima – Ait Ben Haddou

Ao chegar ao topo a vista é recompensadora!

O Ksar também foi cenário de diversos filmes: Lawrence da Arábia, A Múmia, Gladiador, Alexandre e Príncipe da Pérsia, entre outros (fonte: wikipedia).

Vista de Cima - Ait Ben Haddou
Vista de Cima – Ait Ben Haddou

Resumindo…

Ouarzazate é uma interessante parada entre Marraquexe e o Deserto do Saara. Desde a década de 1960, a cidade vem sendo utilizada como locação para diversos filmes e séries. As suas principais atrações são os estúdios de cinema e a cidade fortificada de Aït Ben Haddou, localizados nos arredores da cidade.

Hora de partir para Marraquexe, nosso último destino no Marrocos.

Apaixonado por viagens e por fotografia. Começou a descobrir o mundo há 10 anos e já visitou 71 países. Gosta de caminhar a esmo pelas cidades mundo afora, observando as pessoas, as comidas, as construções e a arquitetura. É formado em Engenharia e Direito.

Escreva seu Comentário

Pin It