Este é o terceiro de uma série de posts com os hábitos essenciais ao viajante inteligente. Esta série foi produzida com base em nossas experiências de viagens a mais de 60 países. São comportamentos simples que irão facilitar muito a sua vida nas viagens, permitindo que você aproveite ao máximo a experiência de viajar e minimize os riscos de transtornos.

E a dica de hoje é reservar com antecedência hotéis e passagens.

Pode parecer legal viajar sem planos, decidindo durante a viagem para onde ir, onde ficar, onde comer e o que visitar.

O viajante inteligente, entretanto, procura reservar com antecedência a sua hospedagem e o seu transporte entre as cidades. Faz parte do planejamento da viagem.

E planejar é essencial para minimizar os possíveis transtornos nas viagens.

A acomodação

É extremamente importante você viajar com as acomodações reservadas, seja um hotel, hostel, apartamento ou até mesmo um quarto.

A imigração de alguns países, cito como exemplo a Alemanha, pode exigir a reserva da hospedagem (ou carta de convite de algum residente) como condição de ingresso no país.

Para o oficial da imigração, a reserva de hospedagem é um indicativo do propósito da sua viagem. É requisito comum para a entrada nos países do Espaço Schengen (Portugal, Espanha, Itália, Suiça, Alemanha, França, Holanda, Bélgica, dentre outros).

Se tiver dúvida do itinerário, faça reservas canceláveis para todo o período da viagem.

  • Dica: o site Booking.com permite fazer reservas com cancelamento grátis para diversos hotéis. Outros sites como o hoteis.com também abrem essa possibilidade para determinadas acomodações.

Em qualquer caso, imprima as reservas (ou a carta de convite) e tenha-as na bagagem de mão para apresentar ao oficial de imigração, caso solicitado.

Além disso, em cima da hora pode ser muito difícil encontrar acomodação boa e barata disponível.

O tempo que você gastaria procurando uma acomodação disponível você poderia usar descansando ou visitando as atrações da cidade.

Passagens Internas

Além das reservas de hospedagem, você deve comprar antecipadamente as passagens internas, seja de avião, trem, barco ou ônibus, salvo se fizer a sua viagem de carro. Neste caso, você deverá locar antecipadamente o seu veículo.

As passagens definem o seu itinerário. E também são importantes para a imigração.

  • Dica: Nunca entre em algum país sem ter a passagem de saída desse país. A passagem de saída pode ser exigida pela imigração como requisito de entrada. A própria empresa aérea que te levará ao país poderá exigir a passagem de retorno quando do check-in.

Mas, não é só em razão da imigração que você deve ter suas passagens internas compradas antecipadamente.

Especialmente quanto às passagens aéreas, se você deixar para comprar o seu ticket na última hora, você irá pagar muito caro, ou, na melhor das hipóteses, pegar voos muito ruins (com conexões desnecessárias, longa duração, ou em horários não muito convenientes).

É possível comprar passagens de barco, trem ou ônibus na última hora (esses meios de transporte tem uma regulação diferente dos voos regulares), mas sempre há o risco de não haver disponibilidade de assentos no dia e hora desejados.

  • Planejar a viagem é essencial para você minimizar os riscos de problemas durante a sua viagem. Economize tempo, dinheiro e evite problemas com a imigração, reservando hotéis e passagens internas antecipadamente.

Planejar é um hábito essencial do viajante inteligente!

Apaixonado por viagens e por fotografia. Começou a descobrir o mundo há 10 anos e já visitou 71 países. Gosta de caminhar a esmo pelas cidades mundo afora, observando as pessoas, as comidas, as construções e a arquitetura. É formado em Engenharia e Direito.

Escreva seu Comentário

Pin It