Belém é a capital da Amazônia e nada melhor que fazer um passeio de barco para conhecer a floresta. No terceiro dia na cidade, fizemos um passeio chamado “Furos e Igarapés” pela Brasil Amazon Turismo.

Neste tour, desbravamos rios, furos e igarapés da Amazônia, conhecemos um pouco da vida dos ribeirinhos e caminhamos por um trecho da floresta, conhecendo algumas espécies de árvores nativas e frutas locais.

  • Sabe qual a diferença entre furos e igarapés? Os furos são canais com entrada e saída, enquanto os igarapés só tem entrada.

O preço do passeio é R$ 170,00 por pessoa e dura 3h30min. O preço é caro, mas vale à pena. Como estávamos em três pessoas, pedimos um desconto e o preço por pessoa baixou para R$ 150,00.

Confira nosso roteiro!

1. Translado até o Marina Park

Marina Park, Belém
Por do sol no Marina Park, Belém

O motorista nos pegou no hotel e nos levou até o Marina Park, onde pegamos um barco.

2. Rumo à Ilha do Combú

Barco escolar nos Furos, Belém
Barco escolar nos Furos

Passeamos pelo Rio Guamá e por Furos e Igarapés nas proximidades da Ilha do Combú. Neste trajeto, você poderá observar as casas dos ribeirinhos, igrejas, e até locais de festas que estão às margens dos furos e dos igarapés. A propósito, algumas músicas que eles tocam são terríveis!

Moradia dos Ribeirinhos, Tour Furos e Igarapés
Moradia dos Ribeirinhos

3. Lanchonete às margens de um furo

Lanchonete à beira do furo, Belém
Lanchonete às margens de um furo

Fizemos uma parada numa lanchonete às margens de um furo. Por lá provamos um chocolate 90-100% cacau, feito pela dona do estabelecimento.

Chocolate 100% cacau, Furos e Igarapés, Belém
Chocolate 100% cacau

4. Sítio Boa Vista

Ave no Sítio Boa Vista, Tour Furos e Igarapés, Belém
Ave no Sítio Boa Vista

Em seguida, caminhamos até a casa do Sr. Ladir, no Sítio Boa Vista, Acará/PA.

5. Trilha na Floresta

Trilha pela Floresta, Tour Furos e Igarapés, Belém
Trilha pela Floresta

Ele nos acompanhou por uma trilha pela floresta, mostrando diversas plantas (algumas medicinais, outras usadas para fazer cosméticos). Provamos da fruta do Cupuaçu e a Castanha do Pará. Também  tivemos oportunidade de conhecer diversas árvores típicas da região, como a Castanheira, a Seringueira e a Samaúma.

Cupuaçu, Tour Furos e Igarapés, Belém
Cupuaçu

A Samaúma, segundo o Sr. Ladir, é a rainha da floresta.

  • “A samaúma é uma árvore milenar da região da Floresta Amazônica. Com uma altura entre 80 a 90 metros, essa espécie chega a ter um diâmetro de 5 a 8 metros. Para se ter ideia do tamanho do seu “corpo”, na sua fase adulta é necessário uma roda de mais 25 pessoas adultas para abraçar essa majestosa árvore” (fonte: PovodaFloresta.com.br).
Samaúma: a rainha da floresta, Tour Furos e Igarapés, Belém
Samaúma: a rainha da floresta
  • Dica: Vá de calças compridas. Se for possível, vá também de camisa de mangas compridas, leve boné e repelente. Os mosquitos são terríveis no trajeto na Floresta.

6. Subida no Pé de Açaí

O ponto alto da trilha é o momento em que o Sr. Ladir sobe um pé de açaí. Com mais de 70 anos, ele tem uma habilidade incrível.

 

Para ajudar na subida, ele faz na hora uma Peconha, uma espécie de alça que ficará presa nos pés. A descida é outra atração! Você teria coragem?

7. Por do Sol

Por do Sol no Rio Guamá, Tour Furos e Igarapés, Belém
Por do Sol no Rio Guamá

Retornamos para a cidade de Belém e aproveitamos para tirar algumas fotos do por do sol no Rio Guamá.

Avaliação da Brazil Amazon Turismo

O passeio foi bom e interessante. O guia e o motorista são muito simpáticos e prestativos. O ponto negativo foi que nós perguntamos acerca do traje para um atendente da empresa, que nos informou que poderíamos ir de bermudas. Informação Errada! Ainda bem que um casal de franceses que nos acompanhava, nos emprestou o repelente!

De qualquer forma, se estiverem em Belém, não deixe de fazer o passeio Furos e Igarapés!

Apaixonado por viagens e por fotografia. Começou a descobrir o mundo há 10 anos e já visitou 71 países. Gosta de caminhar a esmo pelas cidades mundo afora, observando as pessoas, as comidas, as construções e a arquitetura. É formado em Engenharia e Direito.

Escreva seu Comentário

Pin It